A reader lives a thousand lives before he dies, said Jojen. The man who never reads lives only one. (George R. R. Martin)

sábado, 14 de junho de 2014

Stop Reading! #5


Depois de algum tempo sem publicar nada nesta rubrica, nada melhor para o regresso do que um passeio pela nossa capital em época de Santos Populares.

Um dos mais típicos bairros de Lisboa convida-nos a um passeio pelos seus becos, escadinhas, ruas estreitinhas descobrindo as suas maravilhas e apreciando os miradouros com uma vista deslumbrante sobre a cidade e o Tejo. 

A primeira vez que me "perdi" por estes lados tive como guia uma amiga apaixonada por Alfama e que conseguiu fazer-me apaixonar também. Numa tarde de primavera com muito calor, aventuramo-nos na subida até ao Panteão Nacional, passando depois pelo Miradouro das Portas do Sol, Largo de S. Miguel, até ao Castelo e depois à Sé. Cumprimentando as pessoas pelas ruas bem estreitinhas, descobrimos as típicas casas de fado tão apreciadas pelos turistas que ficam encantados com estes recantos...

Claro que durante este mês de junho, e particularmente na noite de Sto. António este bairro transforma-se e as suas gentes saem à rua. Desfilando pelas Marchas na Avenida ou nos arraiais e bailaricos espalhados pelos largos e recantos, Alfama torna-se uma passagem obrigatória para aqueles que querem descobrir e conhecer melhor as tradições de Lisboa...

Becos escadinha ruas estreitinhas
Onde em cada esquina há uma bailarico

Trovas p'las vielas e em todas elas
Perfume de manjerico
Risos gargalhadas, fados desgarradas,
Hoje em Alfama é um demónio
E em cada canto um suave encanto
De um trono de Santo António.
Marcha de Alfama, Carminho

4 comentários:

  1. Olá,

    Bela mensagem e uma zona muito bonita de Lisboa sem duvida, volta e meia apanho o eletrico 28 e vou até ao Castelo, vindo por ali abaixo a pé eheheh

    Sem duvida que como dizem as suas gentes a pelnos pulmões *Alfama é linda* :D

    Bjs e aqui está a prova que temos coisas bem bonitas para visitar sem ir muito longe ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá!

      É mesmo :) por acaso neste dia não apanhei o 28 e fiz o caminho a pé mesmo à descoberta...

      Gosto de ser turista no meu próprio país! :)

      Beijinhos

      Eliminar
  2. É um blog encantador encontrei o seu blog enquanto navegava pela net, não li muito, mas gostei do que vi e li,espero voltar mais algumas vezes,deu para ver a sua dedicação e claro sempre aprendemos ao ler blogs como o seu.
    Se me der a honra de visitar e ler algumas coisas no Peregrino e servo ficarei radiante, e se desejar deixe um comentário.
    Abraço fraterno.António.
    Peregrino E Servo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá António,

      seja bem-vindo a este espaço e ainda bem que gostou do blog. Ainda estou muito no inicio mas é sempre bom saber que o nosso "trabalho" é reconhecido e apreciado e mesmo com tantos blogs literários que existem há um espacinho para nós :)

      Sinta-se à vontade para passar por aqui e comentar sempre que quiser. É bom estar em contacto com as pessoas que me vão acompanhando ;)

      Eliminar